Come closer


Saudações, visitante! Neste momento, você se encontra no Hishoku no Sora, um blog pessoal sem fins lucrativos. Aqui se fala de tudo um pouco, então fique à vontade!
A versão atual é inspirada na música "We Don't Talk Anymore", ilustrada por Jimin e Jungkook (BTS).

Home Me Blog Links

Talk to me
Kawasumi Shana, 24 anos e contando +1 todo dia 7 de fevereiro - logo, sou toda aquariana. Adoro música, mangás, animes, filmes e livros. Odeio insetos, injeções e filmes de terror, sou criativa e contraditória, possivelmente tenho um parafuso a menos - mas juro que sou legal. Ou não.more?

Stay in touch


Follow

Unspoken Words

Past Tense

Stay a little longer

 
Hishoku no Sora
Google Chrome | 1366x768


Blogagem | 15 coisas para fazer nas férias

Saudações, jovens leitores! Primeiramente, vamos tomar um minuto de nossas vidas para admirar os prêmios que recebi do Neko Party. Devidamente admirados? Pois então voltemos à programação normal.
Como vocês passaram os últimos dias?! Eu passei, bem, do mesmo jeito de sempre, então vamos todos nos abster dessa descrição que, convenhamos, já está chata de ser escrita e lida por aqui. Estamos em Junho, mês de festa Junina (embora eu só tenha visitado uma única quermesse, que afronta!), mês de rezar pros santos casamenteiros (ou não? Estou confusa) e mais um mês onde podemos comer comida temática, comida boa, e ainda com uma desculpa considerável - quer dizer, alguém aqui come pão com carne louca em outros meses do ano? Talvez sim, mas a gente pode fingir que não.
Mas hoje eu vim por um outro motivo - a blogagem coletiva do Neko High! O tema deste mês é elaborar uma lista com 15 coisas pra se fazer nas férias, o que na verdade me deu aquele aperto no coração porque férias de Julho não existem mais na minha vida. Vida de adulto é essa merda, meus queridos, tejem preparados. Mas, bem, eu tive férias de Julho por aproximadamente 18 anos da minha vida, então posso assegurá-los de que reuni uma boa quantidade de atividades para aproveitar esses tempos de felicidade e preguiça. Sigam-me os bons!

1. Dormir
Existe algum indivíduo que não colocaria este item em primeiro lugar na lista? Se buscarmos férias no dicionário, claramente veremos que um de seus sinônimos é dormir tudo o que se tem direito sem culpa no coração. Ninguém deveria sequer ter dúvida disso, pelo amor de Odin! Assim, este é um item de extrema necessidade e importância nas minhas férias, e acredito que deva ser nas de todos os demais seres humanos deste planeta. Dormir é uma dádiva, jovens leitores (e o fato de eu lidar com insônia há 12 anos da minha vida só me faz valorizar meu soninho ainda mais).
2. Ler tudo o que tiver direito
Eu sempre fui uma leitora assídua de coisas - livros, mangás, até mesmo fanfics -, mas tudo isso terminou quando comecei o cursinho, lá pra 2011. Não existe tempo livre para ler, e quando há tempo livre, a gente só quer morrer - principalmente porque a rotina da faculdade é uma loucura, com muitas leituras obrigatórias (pelo menos pra quem é de humanas) e as férias viram a época de tirar o atraso de tudo. Nas férias eu posso passar o dia jogada na cama lendo aquele livro que quero terminar, viro a noite lendo fanfics e passo dias vidrada em algum mangá (e sem culpa no coração, porque vamos combinar: quem nunca deixou de estudar pra prova pra ficar lendo mangá e se martirizou depois?)
3. Maratonar coisas
Toda e qualquer coisa deve ser maratonada nas férias: anime, série, filmes, tudo o que se tem direito. Como eu estudei em outra cidade, eu costumava maratonar animes com meu irmão nas férias, e maratonar alguns varando a noite sozinha. Também aproveitei algumas férias curtas (vulgo: entre greves) pra maratonar sagas de filmes com os amigos na faculdade. Se tem um período que podemos só nos jogar em alguma superfície confortável e terminar temporadas inteiras de qualquer coisa, esse período se chama férias.  
4. Fazer experiências culinárias
A nova moda hoje é aprender a cozinhar, principalmente os alimentos que se enquadram na categoria gordices. Durante as férias podemos aproveitar o tempo extra na cozinha, testando todas aquelas receitinhas gostosas que vemos por aí pela internet. Eu aprendi a fazer bolos, biscoitos e sobremesas nesses momentos gordinhos de experiências gastronômicas das férias - e recomendo a experiências. Principalmente se você é o único de férias em casa e pode comer tudo sozinho.
5. Sair pela cidade
Rotina é uma merda, e às vezes a gente reclama de não ter o que fazer sem saber o que a cidade oferece. Bairros tradicionais, eventos culturais, praças, lanchonetes, barzinhos, toda cidade, por menor que seja, tem lá suas atrações, ainda que poucas. Uma boa pedida pras férias, lá pela segunda semana (porque na primeira a gente dorme, vide item 1), é sair de casa e explorar a cidade na qual você está. Vivi 5 anos no interior e sou natural de São Paulo, e descobri muita coisa interessante barata e mesmo gratuita em ambas as cidades só batendo perna por aí. 
6. Jogar video-game
Dispensa comentários: o momento de zerar aquele título que você adora mas mal tem tempo de curtir durante sua vida rotineira é agora, nas férias. JUST DO IT
7. Preguiçar
Nome auto-explicativo, mas vale discorrer a respeito: EXISTE UMA ÉPOCA MELHOR DO QUE FÉRIAS PARA PREGUIÇAR??? Rolar na cama sem culpa no coração, passar o dia de pijama, levantar só por motivos de força maior, e tudo isso sem se preocupar se você procrastinou ou não, porque você está de férias!
Particularmente, acho preguiçar uma atividade muito importante e saudável, principalmente porque a gente merece uns dias só respirando pra recuperar as energias. Se até o celular precisar recarregar a bateria, porque não eu? 
8. Arrumar o quarto
Porque nem só de preguiça são feitas as férias. Durante a semana a gente se cansa e vai jogando tudo em todo canto - um dia de férias e você consegue fazer seu quarto parecer um cômodo no qual reside uma pessoa novamente. É a hora pra fuçar o guarda-roupa e doar as roupas que não usa mais, jogar fora aqueles poemas que escreveu pro crush da 5ª série e abrir espaço para mais tranqueiras, que façam mais sentido no momento (tipo meus mangás de Aoharaido e Sailor Moon).
9. Varar a noite
Desorganizar o relógio biológico é um must das férias. Ponto.
10. Organizar festas do Pijama
E já que não tem hora pra dormir nem acordar nas férias, nada melhor que juntas os migos e colocar as fofocas e séries e sagas em dia, não é mesmo? Com comida, é claro.
11. Passar o dia de pijama
Já falamos deste item, mas o ponto positivo de não ter horário e nem compromisso é nunca precisar sair do seu pijama. Quem passa as férias sem passar ao menos 24h no pijama?
12. Cuidar do Blog
Está aí um ponto muito necessário na vida de qualquer blogueiro. Na época da faculdade (ah, velhos tempos) haviam momentos nos quais eu mal tinha tempo de respirar (vulgo: fim de semestre, vulgo: inferno) e o blog ficava no último plano da lista de planos, porque eu precisava comer e dormir em algum momento. Como eu costumava praticar mais dos meus hobbies nas férias, além de sair e fazer coisas diferentes, eu aproveitava pra ir escrevendo rascunhos a respeito. Também era época de trocar o layout, arrumar páginas internas e, em geral, dar aquele amor pro bloguinho - que geralmente fica meio de lado durante a loucura da rotina. 
13. Experimentar novos hobbies
Tempo livre pode ser ocupado com uma série de coisas, e nas férias a gente pode experimentar um pouco delas. Cozinhar, ler, colorir, fazer artesanato, dança ou aqueles cursos relâmpago que aparecem nas férias, tipo confeitaria ou coreografias de K-pop. Vocês sabem. Hobbies novos.
14. Participar de eventos, visitar exposições e museus
Uma coisa que eu aprendi morando em Ax foi que toda cidade tem algum tipo de acervo cultural. Seja um museu minúsculo contando a história das primeiras famílias colonizadoras, seja algo maior como em São Paulo, que é uma cidade que exala cultura até nas paredes grafitadas. Se a cidade é muito pequena, algum município das redondezas tem algo do tipo - basta procurar. Nós vivemos sem conhecer o que nossas cidades oferecem e podemos nos surpreender se a gente procurar. As férias podem ser um momento para aprender mais sobre nossa cultura e história, e visitar museus, exposições ou mesmo ficar antenado nos eventos que rolam perto de você é sempre uma ótima opção!
15. Sofrer o luto de fim de férias
Existe um único aspecto negativo das férias: elas acabam. A última semana, ou os últimos dias de férias devem ser reservados para viver as 5 fases do luto: a negação, a raiva, a barganha, a depressão e a aceitação - lembrando que quando a Kubler-Ross as idealizou, deixou bem claro que elas não têm uma ordem para serem vivenciadas e a gente pode sentir tudo de uma vez. Pelo menos, diferentemente da morte, a gente sabe que as férias sempre voltam (ou o desemprego, o que vier primeiro *cries in gente grande language*)

Confesso que 15 itens nem parecia tanto, até que eu tive que pensar neles e uau, precisei relembrar o que fiz da minha vida nas férias dos últimos 17 anos. Acabou que essa blogagem me serviu pra pensar um pouco em como usar o meu tempo livre, que está em excesso na minha vida. Acho que muitos itens são quase senso-comum, porque eles exalam férias - afinal, nos feriados a gente precisa recarregar as energias pra enfrentar a próxima semana, então nem sempre temos tempo de preguiçar ou maratonar uma série inteira com 8 temporadas, por exemplo (embora eu tenha a sensação de que no mundo adulto a gente faz milagres com um feriado prolongado. Quase um presente de deus, esse negócio).
E vocês, leitores? O que fazem nas férias? Espero que a lista tenha acrescentado algo pra vocês e que possam já ir se preparando pra curtir bastante no próximo mês - enquanto eu vou torcendo pra não ter férias em Julho, pois espero estar empregada. Isto dito, me despeço de vocês por aqui: beijos de luz a todos vocês e até a próxima! ♥

Marcadores: , ,


By Shana • segunda-feira, 19 de junho de 2017 • 3 ComentáriosLink to this post


«older newer»