posts shana blog links
+ + +
It's Halloween, witches!

This is Halloween, everybody make a scene!
Trick or treat till the neighbors gonna die of fright!

MWAHAHAHAHA! Maldições, pobres leitores. Como se sentem sabendo que a morte vos espreita? Que as maldições vos assolarão deste dia em diante? Que nesta noite tão macabra não há mais escapatória? Mwahahahaha!
Primeiramente: feliz Halloween! Espero que tenho comido docinhos, feitos seus rituais e celebrado da melhor maneira possível ♥ Em segundo, para celebrar este dia maravilhoso, decidi falar sobre as minhas pequenas celebrações ao longo do mês, incluindo momentos temáticos e também - como prometido - a festinha de Halloween que fizemos aqui em casa :) Peguem vossas vassouras e os cálices de sangue, caros leitores, pois vamos todos numa aventura macabra!
Para começar, a festa!
Primeiramente, eu queria dizer que não consegui fotografar todas as coisas, pois organizar uma festa (e receber pessoas em casa, em geral) é bem corridinho. Então, cabe falar que esse post é só um 'sneak peek' do que fizemos pra vocês verem :)
Sendo assim, sigam-me os bons~


O primeiro desafio foi deixar minha casa o mais macabra possível pois, como podem ver nas fotos: ela é rosa. Cortesia de mamãe, se assim quiserem levar.
Nós obviamente não somos o tipo de família bilionária que teria tempo e dinheiro para pintar as paredes da casa pra uma celebração de poucas horas, então eu decidi decorar todos os cantos possíveis (ao menos da sala, que é onde costumamos receber as pessoas).


O que eu fiz foi, basicamente, pendurar vários tipos de guirlandas (aqui no Brasil acho que chamamos mais de 'bandeirinhas') nas paredes, usando durex e adesivos temáticos mesmo e, onde achei que faltou preencher, acabei recortando e criando alguns fantasminhas em folha sulfite. Decoramos os quadros e as portas com teias de aranha de mentira (que são uma praga, GRUDAM EM TUDO) e usamos também aquelas fitas amarelas para cenas de crime (keep out).
Embora esteja pequeno na foto, uma coisa que fiz pra decorar as fotos (como esse quadro ali no canto) foi colocar um pedaço de plástico antes da imagem, na moldura, e fazer desenhos e decorações caricaturatos por cima das imagens. Foi uma das coisas que mais fez sucesso, preciso dizer! XD


Eu queria deixar as mesas livres para colocarmos comida, então abusei dos enfeites na estante de livros da minha mãe (sim, aí só estão os livros favoritos da minha mãe, e não todos os que ela tem), os corredores e paredes. Eu gosto muito de ambientes livres e práticos pra receber as pessoas, então tudo estava pendurado longe do alcance de todos ou em locais que não seriam usados pra festa; além disso, recebemos algumas crianças pequenas, então tive o cuidado de deixar tudo fora do alcance delas, mas de maneira a deixar o ambiente bem temático.


O destaque da festa foi o arranjo que fiz no corredor - que foi feito com a mesma barra que usei pra fazer um arranjo natalino no ano passado. Usei uma barra para cortina regulável, daquelas que geralmente se usa pra colocar cortinas em banheiros. Costuma custar menos de 20 reais em qualquer loja de construção, decoração ou mesmo nas lojas de variedade, como a Daiso.
Encapei com TNT preto, que eu prendi com linhas de costura (amarrando mesmo) e depois de posicionar a caveira maligna, fui amarrando as tiras de tnt com nós frouxos. O efeito ficou bem bacana e foi super baratinho - considerando que eu já tinha a barra, devo ter gastado menos de 20 reais com os materiais que usei para o arranjo.


E por fim, as mesas! Como disse, usei TNT e coisinhas da Daiso - e me dei a liberdade de usar abóboras de verdade pra decorar! Como esculpir abóboras requer talento, paciência, tempo e espaço - 4 coisas que eu definitivamente não tenho -, eu só desenhei os rostinhos com marcador preto. Ele sai depois, se lavado, e decidimos usar os frutos porque consumimos bastante aqui em casa, então não seria um desperdício de qualquer forma.


Nas bordas das mesas, usei velinhas e decorações de LED em formato de abóbora, e deixei o espaço pra colocar o que íamos consumir mesmo. Usei teias de aranha na barra das toalhas (embora não dê pra ver em todas as fotos) pra dar um efeito mais macabro. Preciso dizer que fiquei bem satisfeita com os resultados! ♥


Agora, nem só de decoração se faz uma festa, não é mesmo?! Vamos falar das comidas!
Como eu disse na postagem anterior, a festa era colaborativa e não exigimos pratos temáticos de ninguém - mas eu e minha mãe planejamos um cardápio personalizado da nossa parte ♥ Contei com a ajuda do meu irmão de da minha cunhada pra decorar as coisas, então embora corrido, conseguimos fazer tudo à tempo!
Acima, vocês veem as torradas de caixão que minha mãe fez (pra comer com patê de ricota roxo, que foi usado nos lanchinhos macabros também), torta trazida por uma convidada e, ao canto, as pizzas de múmia, que eu já postei antes aqui no blog.


Aqui, a proposta original eram os fantasmas de suspiro, mas como acabamos tendo problemas na rota de compras (vulgo: um acidente na BR que nos impediu de ir até o mercado e a padaria que planejamos originalmente), acabamos mudando a ideia: compramos marshmellows encobertos por chocolate branco e decoramos com chocolate ao leite para fazer as carinhas.
Eu fiz 50 fantasminhas desses, e confesso que foi uma tortura. Usei uma bisnaga daquelas de colocar molho, com a ponta bem fina, pra fazer os desenhos e o chocolate endurecia várias vezes, entupia a ponta da bisnaga, MEU DEUS.
No fim deu certo e as pessoas adoraram. Que bom, né?


Os lanchinhos macabros! Originalmente íamos só fazer os mini-sanduíches convencionais, mas acabei usando um saco de pão pra fazer esses sanduíches de caveira. Minha cunhada ajudou a decorar, e confesso que foi o prato mais rápido e prático que fizemos. Usei corantes azul e rosa pra fazer a maionese roxa, e o mesmo pra tingir o patê de ricota - achei que ficou fofo, e vocês?


Por fim, o maior sucesso da festa: meu ponche de almas penadas! Meu plano original era esculpir várias maçãs, mas eu já estava tão cansada de tudo o que estávamos fazendo, que acabei fazendo poucas maçãzinhas. D: Pra dar esse efeito a gente descascou, cortou ao meio e eu fui desenhando as faces à mão livre mesmo. Depois, assei as maçãs por cerca de 20 minutos no forno, pra deixar os desenhos mais definidos, e quando terminei o ponche foi só deixá-las boiando e jogar um pouco do líquido em cima, pra dar cor.
Ao longo da festa, elas foram ficando rosadas e cada vez mais macabras, inclusive! Hahahaha ♥
A cargo de curiosidade, o ponche foi feito com cerca de 500ml de xarope de groselha e 3L de água com gás. É só jogar os dois no recipiente da sua escolha e deixar uma concha para os convidados se servirem. Aviso: crianças gostam de ficar mexendo nas maçãzinhas afogadas!
E algumas coisas que encontrei no caminho...

Além da festa em casa, também comi algumas coisinhas temáticas ao longo do mês.
Acima, um cinnamon Roll -  coisa que eu SEMPRE quis experimentar na minha vida (e não me arrependi) - e uma bebida à base de abóbora do Starbucks. Embora a bebida não seja de Halloween, especificamente, não consigo associar abóboras a outra coisa que não o dia das bruxas! Fui especificamente pra experimentar e estou muito triste que seja um drink sazonal, pois já é uma das minhas bebidas favoritas na vida!
Pedi a versão sem café, e achei bem docinha, sem ser enjoativa. Espero poder experimentar a versão quente antes que saia do cardápio!

Por fim, como sempre: o crepe de Halloween da Hachi. Esse ano, a creperia fez também uma bebida temática, mas no dia que eu fui eles estavam sem algum ingrediente e eu não pude tomar. :( O crepe não mudou muito dos anos anteriores: sorvete de abóbora, pedaços de abacaxi, chantilly, um Pocky stick e, pra decorar, marshmellows em formato temático! O meio veio de abóbora, e o da minha amiga de caveira - sei que tinha um em formato de chapéu de bruxa também! A massa era de chocolate, e por algum motivo o crepe estava melado essa ano, alguma coisa que escorria pra fora da massinha e grudava na mão. Estava gostoso, tho, sem ser enjoativo.
Enfim! Foi assim que eu celebrei o meu mês das bruxas. O dia de hoje eu gastei comendo docinhos e assistindo The Nightmare Before Christmas, até ser interrompida pelas crianças batendo na minha porta e pedindo por doces ou travessuras (as [des]venturas de se viver em condomínio, meus caros). Acredito que foi um dia das Bruxas bem digno, se querem saber. Isso, é claro, desconsiderando as horas que levei pra selecionar e editar as imagens que usei e fazer esse post acontecer - detalhes, meros detalhes!
E vocês, leitores? Como celebraram o Halloween? Espero que minha experiência ao menos lhes incentive a fazer essa festa acontecer na vida de vocês também! ♥ Beijinhos a todos, e até a próxima!

Marcadores: , , ,


Written by Shana | 31 de outubro de 2019 | 1 Comentários | link to this post



«older home newer»