posts shana blog links
+ + +
A sanduicheria que podia ser melhor
Saudações, queridos leitores! Depois de receber tanto amor pelos 16 anos de Hishoku, está na hora de voltar com a programação normal e trazer um pouco de conteúdo para este blog - mesmo que o conteúdo seja polêmico, mas fazer o que, faz parte não é mesmo?
Embora estejamos em quarentena, eu fiz uma série de rolês no últimos meses e só agora consegui parar pra editar minhas fotos e sentar pra falar desses estabelecimentos bacanésimos pra vocês. Ao menos já dá pra montar uma lista de lugares pra visitar quando acabar a pandemia, né non? Embora, bem, o de hoje talvez não, risos.
Eu nunca tinha ouvido falar da Sanduicheria do Junior Durski, e nem sabia quem ele era, mas minha amiga tinha sugerido esse lugar pra gente experimentar e ele ficou na nossa lista. Em fevereiro, pleno carnaval, não tinha muita opção pra quem não estava fim de se perder nos pecados bloquinhos - daí lembramos que essa sanduicheria ficava em um shopping fácil pras nós duas, e resolvemos unir o útil ao agradável: bora riscar os rolês da lista!
Pena que foi uma decepção. Risos.
A sanduicheria do Junior Durski

A proposta da Sanduicheria é bem bacana, e já vem descrita no nome: são vários tipos de sanduíches, com várias opções de recheio, e por um precinho bem camarada. Acho que é seguro dizer que se trata de um fast food meio gourmet - mas aquele gourmet rústico, com cara de feito em casa pra você aproveitar. Você pode pedir só o lanche ou montar um combo (com a adição de R$ 7,90), e daí tem várias opções pra incrementar sua refeição. No quesito pedido, achei bem prático porque o estabelecimento tem aquelas máquinas onde você vê o cardápio, monta seu pedido, paga e espera ser chamado. Não pegamos fila e fomos em horário de almoço, e não esperamos muito pra receber nossos lanches também, o que é um plus.
A meu ver, os itens mais caros do cardápio são as sobremesas - quando a gente foi tinham as opções brigadeiro e brownie, e optamos por comprar pra ter a experiência completa. Mas enfim, vou entrar nesse detalhe mais pra frente - vamos de lanche!


O lanche da Sanduicheria é grande, é bem recheado e bem gostoso, então dá pra falar com tranquilidade que vale o preço. Eu pedi um sanduíche de Lombinho à Milanesa, que era basicamente isso mesmo: o lombinho, o pão e um molho gostoso. O molho era ceboludo, mas como sou fã de cebola roxa, achei bem gostoso.
Uma observação importante é que o lanche é bem molhadinho, então ele faz um pouco de meleca. Eu não me sujei, mas minha amiga se lambrecou um pouco - então ter guardanapos à mão é uma boa, hahaha!
Eu montei o combo + sobremesa, e tudo o que está na bandeja saiu por R$ 28,00. Não achei caro, considerando que estava gostoso e que o lanche é bem grande - parece vir pouca coisa, mas vão por mim que ele sustenta bem mais do que a aparenta, hahaha!
A batata frita é bem sequinha e vem sem sal - vai do gosto do freguês temperar ou não. Me decepcionei muito com a bebida, contudo; pedi um chá gelado com açúcar, e quase não consegui tomar de tão amargo que estava. Não sei como o chá deles é feito, nem se é feito no estabelecimento, mas estava com gosto de chá que foi queimado com água fervente (quando você deixa as folhas fervendo por muito tempo ou usa água quente demais, e fica um sabor amargo no fim. Não tem açúcar que ajude). Minha amiga pediu uma limonada, e acabou me dando um gole pra ajudar o lanche a descer.


Por fim, a gente pediu o brigadeiro, e a princípio o custo-benefício parecia bem bom. É uma porção de brigadeiro de colher, embalada individualmente, e com uma quantidade considerável. O docinho custou R$ 8,00 e eu diria que valeu muito à pena se ele fosse gostoso.
Não é.
Segundo minha amiga, as pessoas elogiaram muito o doce nas redes sociais, mas como exímias fazedoras e comedoras de brigadeiro, achamos bem sem-graça. A textura dele é boa, bem cremosinha, mas ele tem um sabor artificial - daqueles brigadeiros que a gente compra de quilo em casa de doce, que são feitos com chocolate hidrogenado e outras coisas, sabem? Minha amiga disse que achou muito doce, mas mesmo eu que faço com nescau aqui em casa achei foi bem ruim mesmo. Ficamos super frustradas, porque tinha tudo pra ser o docinho dos sonhos, mas acabou entrando pra lista de "brigadeiros que eu nunca mais vou pagar pra comer".
Pode ser questão de gosto, mas eu sinceramente pago menos pra fazer uma panela inteira de brigadeiro na minha humilde residência, então não achei que valeu a pena. Não recomendo.
No fim, o que eu achei?
O lanche da Sanduicheria do Junior Durski é bem gostoso, sustenta e tem um preço bem camarada, mas confesso: é só mais um fast food. É uma opção viável se você está passeando no shopping, ficou com fome e não quer gastar muito com uma refeição, mas eu não sairia de casa especialmente pra comer esse sanduíche. É quase uma versão burguesa do Subway, outro restaurante com uma proposta bem parecida.
A sobremesa e a bebida não me agradaram, e eu não sei se estou disposta a comer de novo no lugar pra saber se só peguei um dia ruim ou não. Considerando que o estabelecimento está na praça de alimentação de um shopping, eu diria que há muitas outras opções mais interessantes, inclusive com precinhos mais amigáveis também.
Sobre o brigadeiro, só digo isso: comprem por R$ 5,00 no Rei do Mate, vale mais à pena.

Por fim, quando comecei o post eu disse que o tema de hoje era polêmico por dois motivos: o primeiro porque eu não tinha muitos elogios pro lugar, e fiquei considerando se valia mesmo a pena fazer uma postagem a respeito e, em segundo, vejam bem... pra quem não conhece, Junior Durski é o dono do Madero, que na minha opinião tem alguns ideais políticos meio suspeitos - mas até aí, quem sou eu pra incentivar boicote por questão política, não é mesmo? Viva a liberdade de expressão e de escolha também.
Aí rolou a pandemia. E quem acompanha um tico de notícias aqui no Brasil deve ter ficado sabendo que esse ilustre senhor soltou uma série de declarações questionáveis, dizendo basicamente que é preferível termos um certo número de mortes - na casa dos milhares, tá? - do que arriscar a falência de seus restaurantes.
Vejam bem, queridos leitores. Agora essa postagem fez um favor: pra um lanche que nem é tão maravilhoso assim, feito por um cara que não presta? É de utilidade pública que eu venha aqui avisar vocês: não gastem vosso suado dinheirinho. Em vez disso, comam em outros fast foods, com preocupações mais humanas. Pelo menos a consciência fica limpa!
Por fim, espero que o post tenha servido de algo pra vocês. Me contem se querem mais dicas de rolês pra colocar na lista e experimentar quando acabar a quarentena, ou se preferem que eu não deixe ninguém passando vontade, risos. Beijinhos a todos, e até a próxima! o/
#militei

Marcadores: , ,


Written by Shana | 8 de abril de 2020 | 5 Comentários | link to this post



«older home newer»