Come closer


Saudações, visitante! Neste momento, você se encontra no Hishoku no Sora, um blog pessoal sem fins lucrativos. Aqui se fala de tudo um pouco, então fique à vontade!
A versão atual é inspirada na música "We Don't Talk Anymore", ilustrada por Jimin e Jungkook (BTS).

Home Me Blog Links

Talk to me
Kawasumi Shana, 24 anos e contando +1 todo dia 7 de fevereiro - logo, sou toda aquariana. Adoro música, mangás, animes, filmes e livros. Odeio insetos, injeções e filmes de terror, sou criativa e contraditória, possivelmente tenho um parafuso a menos - mas juro que sou legal. Ou não.more?

Stay in touch


Follow

Unspoken Words

Past Tense

Stay a little longer

 
Hishoku no Sora
Google Chrome | 1366x768


Agora, só lembranças

Em poucas palavras, 2014 não foi um ano fácil. Aconteceram muitas coisas difíceis, ruins, trágicas - em suma, uma série de revezes, como se alguém tivesse aberto uma caixa de pandora e deixado cair em cima do mundo, "sem querer". Eu vi tantas pessoas se lamentando desse ano que até me senti um pouco mal por não tê-lo odiado - na verdade, até gostei. E não me entenda mal, aconteceram muitas coisas ruins comigo também.
Pra ser honesta, eu odiei tanto o ano de 2013, que devo ter ansiado por 2014 com braços abertos até demais. Terminei o ano tão frustrada, tão chateada, tão acabada, que 2014 era uma promessa de felicidade não importava o que trouxesse. No fim, as coisas que me frustraram ano passado aconteceram de novo - e até piores! - neste que está acabando, e é realmente uma surpresa que eu não esteja o amaldiçoando.
Ainda assim, me sinto leve. Sinto de verdade, de alguma forma muito estranha, que lá no fundo eu cresci e aprendi alguma coisa importante, embora ainda não tenha descoberto o quê. Não me arrependo de nada - quer dizer, todo mundo sempre se arrepende de uma coisinha aqui, outra ali, mas num geral, eu não faria nada de novo. Eu viveria este ano da mesma forma que o vivi, caso tivesse de fazer tudo de novo, e isso me traz a sensação de "dever cumprido". Como se a minha missão pra 2014 tivesse sido completada, como se eu tivesse zerado o jogo e estivesse pronta pra começar a jogar o próximo.
Reproduzindo um dos mais famosos - e talvez mais sábios - ditados, "não adianta chorar pelo leite derramado". Se foi bom ou ruim, 2014 acaba agora e 2015 vem aí. Mais uma vez, eu quero recebê-lo de braços abertos, quero sentir que completei um ciclo e vou começar outro (o que não é exatamente fácil quando o seu segundo semestre de 2014 continua em 2015, hahaha). Quero fazer planos, quero me esforçar em cumpri-los, quero continuar crescendo, aprendendo e tentando ser melhor. E é claro, continua válida a minha crença de todo ano: vida nova é uma ova. A vida é um projeto longo e duradouro, e a cada ano que passa é mais uma parte que você precisa completar - mais um caítulo rpa escrever, mais um retoque pra finalizar, mais uma etapa pra cumprir. 
A vida segue, e 2014 agora são só lembranças...

Marcadores: ,


By Shana • quarta-feira, 31 de dezembro de 2014 • 7 ComentáriosLink to this post


«older newer»